Noções sobre Estática – Conhecimentos para Melhorar a Eficiência e Produtividade da sua Empresa

 

A qualidade final da sua produção, mais que uma questão de física, para a EPET, é uma questão de lógica.

 

O QUE É ESTÁTICA?

Eletricidade estática é uma carga que surge quando uma força externa faz com que os elétrons sejam removidos de um átomo, deixando-o com um excesso de prótons, ou seja, carga positiva. Os elétrons removidos se “ligam” a outro átomo receptor, o qual terá consequentemente um excesso de elétrons e será carregado negativamente.

 

O QUE CAUSA ESTÁTICA?

As causas mais comuns da Eletricidade Estática são fricção, pressão e separação. Por exemplo, no desenrolamento de filmes plásticos. Outra causa é a indução, onde um material isolante se carrega ao se aproximar de um campo elétrico. A mudança de temperatura pode também gerar carga estática, por exemplo, em moldes de injeção à medida que esfriam.

 

ISSO AFETA TODOS OS MATERIAIS?

A Eletricidade Estática afeta diversos materiais, pois os elétrons podem ser removidos de praticamente todos os átomos. No entanto, se um dos materiais é condutor, supondo que esteja aterrado, ele não irá reter a carga. Ao passo que se o material é um isolante, a carga não será capaz de se mover, tornando-se uma superfície carregada estaticamente.

 

QUAIS OUTROS FATORES RELEVANTES?

A polaridade normalmente não é um problema, mas é a magnitude da carga que é importante.

Um conjunto de itens, cada um com uma pequena carga, pode atuar como um acumulador para produzir uma tensão estática muito alta (o “efeito bateria”). A força de atrito, pressão ou separação impactará diretamente na magnitude da carga gerada, pois quanto maior a energia de entrada, maior será a carga. O tipo de material interfere diretamente na polaridade da carga produzida. Ainda, o nível de umidade do ambiente interfere tanto na magnitude quanto na duração de uma carga estática.

 

Os problemas mais usuais e preocupantes encontrados na indústria de maneira geral

 

DIFICULDADES COM PRODUTOS

A maioria dos materiais utilizados em embalagem é isolante. Então, o atrito e a separação geram cargas estáticas que podem causar o acúmulo de material, bloqueando até mesmo as máquinas mais modernas.

 

ATRAÇÃO DE POEIRA

Partículas neutras no ar podem ser atraídas por superfícies carregadas e partículas carregadas podem se atrair para superfícies neutras, causando altos níveis de rejeição, retrabalho, reclamações de clientes, perda de qualidade e confiabilidade.

 

CHOQUE NOS OPERADORES

Por exemplo, a tensão estática de um choque ao sair de um carro é da ordem de 15kV. No entanto, são comuns níveis de 20-60kV nas indústrias de plásticos e conversão.

 

RISCO DE INCÊNDIOS E EXPLOSÕES

Quando um processo é realizado em uma atmosfera combustível, as cargas estáticas podem ter energia suficiente para causar uma ignição. Acidentes como estes podem resultar não apenas na perda de tempo de produção , mas, em casos extremos, na perda de fábricas inteiras!

 

DESCARGA ELETROSTÁTICA

O que é mais comum na indústria eletrônica onde a diminuição da escala dos circuitos faz com que estes sejam mais sensíveis às cargas estáticas. Para semicondutores o limite de carga é de 30V, mas  leitores de HDs podem ser danificados por cargas menores que 3V.

 

 

COMO SOLUCIONAR OS PROBLEMAS DE ESTÁTICA:

A linha de produtos HYPERION abrange os últimos lançamentos oferecidos pela MEECH. Desenvolvidos pelos engenheiros da MEECH em conjunto com distribuidores e usuários, a linha HYPERION oferece um nível superior em controle de eletricidade estática para a indústria.

Entre suas principais características destacam-se a tecnologia de monitoramento da corrente de íons, alerta de limpeza dos pinos e o ajuste de tensão, frequência e equilíbrio.

Com gerador de alta tensão integrado e alimentação 24VDC, as barras da linha HYPERION foram desenvolvidas para oferecer toda a potência, flexibilidade e recursos da barra de tecnologia DC com as dimensões reduzidas e desempenho de uma barra AC.

São três modelos de barras disponíveis na linha HYPERION, o que faz da MEECH uma das únicas fabricantes a disponibilizar produtos de tecnologia DC para aplicações de curto, médio e longo alcance de ionização.